Oscar: "O gol contra a Croácia me deu mais confiança - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Oscar: “O gol contra a Croácia me deu mais confiança

Oscar neto 1m dos destaques da vitória do Brasil contra a Croácia, o meia atacante Oscar disse neste sábado (14), durante entrevista coletiva no centro de treinamento da seleção, em Teresópolis, que o gol marcado na estreia lhe deu mais confiança. Ele prevê que o jogo contra o México será “difícil” e acha que a seleção deve aprender com os erros da primeira partida.
“Quando você faz um gol numa partida, você tem mais confiança. Sua confiança fica mais alta, mas toda a seleção está confiante”, declarou Oscar em referência ao gol que marcou no jogo contra os croatas, que definiu a vitória de 3 a 1 na estreia da Copa.

“O mais imporante foi ter vencido”, afirmou. Oscar também fez questão de dizer que sempre contou com o apoio de Luiz Felipe Scolari, treinador que sabe respeitar o “potencial de cada jogador”. “Ele (Scolari) confia em mim faz tempo e essa confiança foi comprovada dentro de campo. Comigo ele sempre foi muito tranquilo”, insistiu o jogador, que chegou a ser questionado como titular.

Depois de assistir a partida de estreia das outras duas seleções do grupo, Oscar confirmou sua impressão de que o time mexicano é rápido e perigoso. “Vai ser um jogo difícil de novo. E será a partida que vai decidir se a seleção já pode se classificar ou não”, declarou.

Questionado se Neymar poderá forçar um segundo cartão amarelo para cumprir suspensão automática contra Camarões e evitar uma eventual ausência nas oitavas de final, Oscar disse acreditar que o astro do time não vai provocar nenhum lance para ficar de fora da partida. “O Neymar dificilmente vai tomar um segundo cartão amarelo”, previu.

Saudades da filha não atrapalha

O jogador revelou sentir muitas saudades de sua filha Júlia, que nasceu recentemente, mas negou que a distância da família possa prejudicar seu desempenho em campo, lembrando que Copa do Mundo é uma oportunidade única na carreira de um jogador.

Oscar também comentou a derrota humilhante da seleção espanhola para a Holanda e avalia que a equipe ainda não deve ser considerada descartada da competição. “A Espanha tem um grande time. Essa goleada pode servir para fortalecer a equipe. Todo mundo tem que respeitar a Espanha ainda, é a campeã mundial”, disse.

Entrevista coletiva de Oscar (à esq.) e Henrique na Granja Comary.
Foto: RFI
Antes de Oscar, Henrique falou com a imprensa sobre sua condição de reserva na equipe e suas expectativas em jogar na Copa. Para o zagueiro do Nápoli, último jogador a ser convocado por Felipão para a Copa, “é preciso estar pronto para entrar a qualquer momento” na equipe.

Henrique esteve hoje no coletivo programado pela comissão técnica para a equipe reserva contra o time sub-20 do Fluminense. “O treino de hoje é importante para pegar ritmo de jogo. Para que a gente esteja sempre preparado”, avaliou o zagueiro.

“Independentemente de quem jogar, a gente está trabalhando para estar pronto. A gente fez um bom treino. Quando a oportunidade surgir, a gente tem que estar preparado para aproveitar “, destacou..

Felipão observa coletivo de reservas enquanto titulares fazem treino físico
Foto: RFI
A equipe brasileira venceu por 4 a 0 os juvenis do Fluminense e durante o coletivo, Felipão chegou a parar várias vezes as jogadas para dar instruções à equipe reserva. O único jogador titular a participar do treino com os reservas foi o volante Paulinho.

Os jogadores da equipe titular fizeram apenas um exercício físico leve e Neymar chamou atençao por usar uma touca, apesar do sol e do clima agradável na Granja Comary. Depois, os atletas se sentaram ao lado do gramado e ficaram apenas assistindo ao coletivo da equipe reserva.

A seleção volta a treinar neste domingo, antes de partir para Fortaleza onde enfrenta o México na terça-feira.