'Outubro Rosa' alerta mulheres - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

‘Outubro Rosa’ alerta mulheres

aab5398f5c5f4126d7f5A campanha ‘Outubro Rosa’, que realizará atividades para conscientização do combate ao câncer de mama, será aberta hoje na Paraíba e durante todo este mês, equipes das secretarias municipais e estadual de saúde realizarão palestras e ações educativas abertas ao público com o propósito de conscientizar as mulheres paraibanas sobre a importância da prevenção do câncer de mama. A campanha recebe o apoio da Rede Paraíba de Comunicação. A TV Cabo Branco abraçou a ideia e está com a torre iluminada com luzes rosas. Já a TV Paraíba iluminou a fachada da emissora, em Campina Grande.

Segundo o gerente de marketing da Rede Paraíba, Láuriston Pinheiro, o grupo é parceiro da campanha desde a primeira edição, em 2011, pois logo percebeu a importância do alcance de seus veículos para o sucesso do projeto. “Esta é uma causa que merece atenção especial, já que é possível reduzir significativamente a quantidade de casos mais graves do câncer de mama, e as TVs Cabo Branco e Paraíba têm contribuído através de esclarecimentos ao longo da programação, atingindo milhares de telespectadores”, afirmou.

Além da iluminação especial, a Rede Paraíba vai veicular matérias especiais sobre as várias questões relativas ao câncer de mama no Estado, além de apoiar a causa por meio de peças publicitárias em jornal, rádio, internet e televisão.

A campanha acontece durante todo o mês e a abertura oficial será hoje, às 18h, na Estação Cabo Branco. Na ocasião, a Prefeitura Municipal de João Pessoa, por meio da Secretaria de Saúde divulga o nome da madrinha da campanha Outubro Rosa deste ano. Na oportunidade, estarão presentes o secretário Adalberto Fulgêncio, a secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Maria do Socorro Borges, a primeira-dama do município, Maísa Cartaxo, e representantes de organizações não governamentais que apoiam o evento.

Já amanhã será lançada a programação oficial do Outubro Rosa da capital. A solenidade será realizada durante um café da manhã para a imprensa, no Casarão 34, a partir das 8h30.

De acordo com a ONG Amigos do Peito, responsável por trazer o projeto à Paraíba, uma pesquisa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) apontou que em 2013 estão previstos cerca de 640 novos casos de câncer de mama no Estado. Só em João Pessoa serão 250.

Outro objetivo do Outubro Rosa é a aplicação da lei que garante às mulheres o tratamento em até 60 dias depois de diagnosticado o câncer de mama. Para a presidente e fundadora da Amigos do Peito, Fátima Lucena, o engajamento da sociedade civil é de suma importância para a conscientização das paraibanas. “Nosso trabalho é para salvar vidas que estão morrendo sem necessidade. Se diagnosticado a tempo, as chances de cura para este tipo de câncer sobem para mais de 90%”, revelou.

Uma longa programação abordará os desafios da prevenção do câncer de mama durante o mês de outubro. Nos dias 3, 4 e 5, no Hotel Tambaú, o 32° Congresso Paraibano de Ginecologia e Obstetrícia vai discutir a saúde da mulher na Paraíba e o acesso delas ao tratamento. Já no dia 8, o Forrósa vai reunir atrações musicais no Chopp Time. Além disso, palestras e treinamentos serão realizados em universidades, postos de saúde e penitenciárias. O encerramento da campanha 2013 acontece no dia 31 deste mês com uma corrida no Busto de Tamandaré.

EM CG, MOBILIZAÇÃO COMEÇA COM UM MUTIRÃO DE EXAMES

Em Campina Grande, a campanha ‘Outubro Rosa’ foi lançada ontem, no Hospital Pedro I, com a participação do prefeito Romero Rodrigues. Durante os próximos 30 dias, haverá mutirão de exames de mamografias e ultrassonografias, que serão realizados gratuitamente, com o objetivo de prevenir o surgimento da doença, bem como o rápido diagnóstico que pode salvar vidas.

A expectativa da Secretaria Municipal de Saúde é que sejam realizados mais de dois mil exames no Hospital Pedro I, que irá concentrar os atendimentos da campanha, com uma parceria da Clínica Dr. Wanderley. Os atendimentos irão acontecer todos os dias da semana e as pacientes irão passar por baterias de exames. Dentro das comemorações do Dia do Idoso, comemorado hoje, a Secretaria de Saúde também irá fazer um trabalho de conscientização junto às mulheres da terceira idade, no Parque da Criança.

Para o próximo sábado está sendo preparada uma caminhada pelas ruas de Campina Grande, com o objetivo de incentivar as mulheres a realizarem um trabalho de prevenção ao câncer de mama. Ainda serão realizadas mais duas caminhadas, sendo uma em Galante, no dia 17 e outra em São José da Mata, no dia 24. Palestras, exames e atividades lúdicas envolvendo a temática também serão realizados em Centros de Saúde de vários bairros da cidade.

Vinte mulheres morreram vítimas de câncer de mama este ano em Campina Grande. A doença, que registra, por ano, mais de 50 mil novos casos no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde, possui um risco de incidência estimado em 52 casos a cada grupo de 100 mil mulheres.

Em um trabalho efetivo para combater o problema, que é uma das principais causas de morte entre o público feminino, somente entre janeiro e julho deste ano, a Secretaria Municipal de Saúde realizou 4.448 mamografias, 1.070 ultrassonografias, 68 biópsias e 37 mastectomias (retirada da mama).

De acordo com a secretária de Saúde de Campina Grande, Lúcia Derks, os prédios públicos da cidade, a exemplo do Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (Isea), Viaduto Elpídio de Almeida e Hospital Pedro I, estarão recebendo uma ornamentação especial com iluminação e adereços na cor rosa, que marca a campanha. Outras instituições particulares, como faculdades, também devem aderir à ornamentação temática.

 

Jornal da Paraíba

Paraíba Urgente