PM atropela médico e é preso em flagrante por dirigir embriagado

empresário presoUm coronel reformado da Polícia Militar foi detido em flagrante após dirigir embriagado e atropelar um médico na manhã deste domingo (17) em uma praça no bairro de Manaíra, em João Pessoa. De acordo com o delegado Gustavo Carletto, plantonista no Distrito Integrado de Policiamento (Disp) – onde a ocorrência foi registrada, o policial atuado pagou a fiança e foi liberado.

Segundo o delegado, a prisão em flagrante por embriaguez ao volante se deu após a recusa do coronel reformado em se submeter ao teste do bafômetro, informação confirmada pela Corregedoria da Polícia Militar, e com base no depoimento de testemunhas, que apontaram os indícios da embriaguez. O atropelamento aconteceu nas proximidades da quadra de Manaíra.

A vítima foi levada para um hospital particular localizado em João Pessoa. Ainda de acordo com o delegado plantonista do Disp, um pedestre que testemunhou o acidente discutiu com os policiais do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran) no local do acidente e também foi levado para delegacia, por desacato. Segundo Carletto, o homem assinou um termo de ocorrência e também foi liberado.

De acordo com a Polícia Militar, o coronel reformado que foi atuado em flagrante por embriaguez, assim como a vítima, é médico. Somente neste feriadão da República, a Operação Lei Seca flagrou 40 motoristas dirigindo sob efeito do álcool em todo o estado. Dos 40 pegos pela Lei Seca, cinco deles foram presos em flagrante.


G1