João Pessoa 10/12/2018

Início » Câmara em foco » Podridão: Vereadores de Santa Rita Lava roupa suja em plenário,”Cheque de aluguel 7 mil sem usar sala”, veja o vídeo.

Podridão: Vereadores de Santa Rita Lava roupa suja em plenário,”Cheque de aluguel 7 mil sem usar sala”, veja o vídeo.

Veja o vídeo da sessão ordinária que gerou bate boca do projeto da gestão Panta que corta gratificações de servidores que ocupam cargo de diretor de escolas e creches no município.

Veja o vídeo da sessão ordinária que gerou bate boca do projeto da gestão Panta que corta gratificações de servidores que ocupam cargo de diretor de escolas e creches no município.Vereadores da Câmara de Santa Rita-PB travaram um debate de muro baixo nesta terça-feira (26), no plenário da casa de Antônio Teixeira, como diz o ditado “Lavando a roupa suja na frente da população”. Quando o vereador Queiroga cobrou posicionamento do colega socialista Carlos Pereira Jr na discussão do projeto de Lei da gestão Panta que extingue gratificações de professores que exercem o cargo de diretor de escolas e creches no município e a questão de cortes de gratificações pelo governador do estado que segundo o socialista Carlos ambos os projetos são semelhantes e prejudicam os servidores voto contra, disse.

” O senhor não tem esse paladino da moralidade não, o senhor assinou cheque de aluguel de salas sem usar no valor de R$ 7 mil disse o vereador queiroga de posse de empenho na mão mostrando para o plenário e galerias e perguntou aos vereadores quem teria feito uso das salas alugadas e acusou Carlos Pereira que teria assinado cheque juntamente com o presidente da casa, para tanto, a confusão aumentou mais ainda e no rebate de Carlos Pereira disse que não assinou o cheque, cadê a assinatura e o bate boca começou envolvendo vereadores e provocou o presidente Gustavo Santos que partiu para o ataque contra queiroga e disse: “Vamos marcar uma sessão para ver quem assina recebendo e quem trabalha e quem assina sem trabalhar e engrossou mais o cado e foi mais além e indagou quem assina e recebe na prefeitura sem trabalhar ou não tem, desafiou, por fim, Queiroga aceitou o desafio e disse que não tem nenhuma nomeação no município e que renuncia o mandato se encontrar algum cargo em seu nome” afirmou o vereador Queiroga.

O projeto do gestão Panta que extingue as gratificações de servidores que ocupam cargo de direção nas escolas e creches que não serão incluso para a aposentadoria e, que segundo o vereador Carlos Pereira alegou que o projeto que mexe no bolso do servidor é semelhante ao do governador Ricardo Coutinho que adotou também para os policiais militares que foi dai então, que surgiu a confusão que conforme o vereador Queiroga o vereador socialista usa dois pesos e duas medidas e cobrou um posicionamento do parlamentar e a sessão foi encerrada sem a votação do projeto aos prantos e gritos de ambos, veja o vídeo.

Lamartine do Vale