Polícia apresenta mais três acusados de matar professor

matadfores do professor campinaA Polícia Civil apresentou os outros três acusados de participação no assassinato do professor Eraldo César de Araújo, 48 anos, crime praticado no dia 12 de maio de 2015, dentro da Escola Major Veneziano, no Bairro das Cidades, em Campina Grande. As prisões foram realizadas por investigadores da Delegacia de Homicídios.

Alisson Soares dos Santos, 19 anos, conhecido por ‘Deda’, é apontado como o mentor do crime. Ele e mais dois adolescentes, de 16 e 17 anos, foram capturados pelos policiais civis na tarde dessa segunda-feira (8), no próprio bairro. Os menores já foram encaminhados à casa de custódia Lar do Garoto. Alisson será levado para o sistema penitenciário.

O cano da espingarda calibre 28 utilizada no crime foi apreendido pelos policiais. De acordo com o delegado Francisco de Assis, havia um desentendimento entre ‘Deda’ e o preso do regime aberto Josuélio Patrício dos Santos, que prestava serviços na escola. No dia do assassinato, o professor Eraldo vestia uma camisa vermelha e calça jeans, o mesmo vestuário usado por Josuélio. Os assassinos confundiram o alvo e mataram o professor por engano. “Somente no final da tarde é que eles tomaram conhecimento do erro”, revelou o delegado.

MaisPB