Polícia divulga fotos de mansão onde quadrilha suspeita de explodir bancos se escondia

Polícia divulga fotos de mansão onde quadrilha suspeita de explodir bancos se escondia

Na residência, foi apreendida uma pistola e três carros, sendo um deles com todas as caraterísticas descritas por testemunhas da ação contra o banco de São Bento (Foto: Reprodução)

Quatro pessoas foram presas nesta quinta-feira (30) suspeitas de integrar uma quadrilha responsável pela explosão de agências bancárias localizadas nas cidades de São Bento e Bom Sucesso, no Sertão da Paraíba. O que chamou atenção foi o local onde os três homens e a mulher estavam escondidos: uma mansão localizada na zona rural de São Bento.

De acordo com informações levantadas pela polícia, a casa pertence a um homem que está preso no estado de Mato Grosso, cumprindo pena por tráfico de drogas.

Na residência, foi apreendida uma pistola e três carros, sendo um deles com todas as caraterísticas descritas por testemunhas da ação contra o banco de São Bento. Apenas um dos presos é paraibano, da cidade de Catolé do Rocha. Os outros são da cidade de João Dias, no Rio Grande do Norte.

A prisão do grupo, que teve apoio do Ministério Público, após a PM levar informações sobre os suspeitos, faz parte do plano de contingência que a Polícia Militar lançou para o Sertão, inclusive com reforço da estrutura logística para combater as quadrilhas. Novas armas de grosso calibre foram enviadas pelo comandante-geral para os policiais que atuam na região.

ClickPB