As Polícias Civil e Militar conseguiu prender acusados de matar ex-vereador

Polícia prende acusados de assassinar o ex-vereador Antônio de Eusébio

matador de vereadorUma operação envolvendo a Polícia Civil com o apoio da Polícia Militar conseguiu encontrar neste sábado (17), os acusados de assassinar o ex-vereador Antônio Barbosa Fernandes, mais conhecido como “Antônio de Eusébio”. Quatro pessoas são acusadas de participar do homicídio, sendo uma delas a ex-namorada da vítima.

De acordo com informações da Polícia, trata-se de Maria Dinda, filha do ex-vereador Maradona do município de São João do Rio do Peixe. Durante relato, a acusada disse estar arrependida.

Além de Dinda foram presos Emanuel de Barros, de 56 anos, residente no município de São João do Rio do Peixe e Carlos Eduardo Gomes, de 36 anos, este residente na zona rural de Santa Helena.

Um acusado ainda encontra-se foragido, mas a Polícia já tem o nome e encontra-se em diligências para capturá-lo. Um mandado de prisão foi expedido pelo Juiz de São João do Rio do Peixe, para prender os acusados.

Segundo a investigação, o ex-vereador foi morto após fazer um empréstimo em um banco no valor de R$ 5 mil, e o crime teria sido ocasionado devido a intenção de roubar o dinheiro.

O crime – Antônio de Eusébio foi assassinado com um tiro na face, dentro do seu veículo que foi encontrado abandonado próximo ao Brejo das Freiras na noite da última quarta-feira (14). Após ser encontrado morto, o corpo do ex-vereador passou por uma perícia no local por parte do IPC e foi encaminhado pelo rabecão até o IML da cidade de Patos para que fossem realizados os exames de praxe.

Da Redação com Folha do Sertão