Polícia prende três suspeitos de tentar matar jornalista Alexandre Farias

Suspeitos foram encontrados em um sítio na zona rural de Caruaru. Foto: WhatsApp/Cortesia

Três dos cinco suspeitos de participação no tiroteio com policiais militares em Caruaru, no último sábado, que deixou um jornalista ferido em estado grave foram presos. A troca de tiros aconteceu na estrada que dá acesso ao Alto do Moura. Na ação, um dos disparos atingiu Alexandre Farias, apresentador da 2ª edição do ABTV da TV Asa Branca, afiliada da Globo em Caruaru. Segundo a polícia, todos os envolvidos têm antecedentes criminais e estão em condicional ou são foragidos da Penitenciária de Segurança Máxima de Alcaçuz, no Rio Grande do Norte. Um quarto suspeito de envolvimento no crime foi morto no confronto com os militares. As buscas continuam pelo último atirador.

Um forte esquema policial foi montado para a caçada aos suspeitos. Até um helicóptero foi utilizado. Participaram da operação equipes da divisão de homicídios de Caruaru, policiais do 4º Batalhão da Polícia Militar (BPM) da cidade e policiais do Grupo Tático Aéreo (GTA). De acordo com o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, os policiais foram recebidos a bala, inclusive a aeronave. No local foram presos José Raniere de Oliveira Simões, 32 anos, Vagner Santos Figueiredo, 30, e Victor Luiz Bezerra da Silva, 20. No confronto com a polícia morreu um homem identificado como João Pedro. Com eles, foram encontradas duas espingardas, dois revólveres calibre 38 e uma pistola 380 e munição.

“Todos eles têm antecedentes e são reincidentes em assaltos e tráfico de entorpecentes. Também foram encontrados vários objetos, possivelmente fruto de roubos em Caruaru e na região”, relatou o secretário de Defesa Social de Pernambuco, Antônio de Pádua. Os três suspeitos vão ser apresentados em uma audiência de custódia.
ESTADO DE SAÚDE – O jornalista Alexandre Farias, de 39 anos, apresentador do telejornal ABTV 2ª Edição, da TV Asa Branca, afiliada da Rede Globo, foi atingido na cabeça por uma bala perdida durante uma troca de tiros entre policiais e suspeitos no Alto do Moura, em Caruaru. Na manhã do último domingo, o apresentador passou por uma cirurgia e encontra-se em coma induzido no Hospital da Unimed. De acordo com o último boletim médico, ele apresentou um desinchaço no cérebro, mas o estado ainda é considerado grave.
PLANO DE SEGURANÇA – A Prefeitura de Caruaru vai lançar, nesta terça-feira, o Plano Municipal Juntos pela Segurança, às 9h, no Shopping Difusora. “Ninguém faz nada sozinho. Sabemos que a segurança pública é uma questão de todos, compreendemos o papel que  o município pode exercer, conhecemos as restrições constitucionais, mas decidimos fazer a nossa parte”, afirmou a prefeita Raquel Lyra. De janeiro a agosto deste ano já foram contabilizados 193 assassinatos na capital do Agreste. O município é o quarto em número de mortes no estado, só perde para Recife, Jaboatão e Paulista, na Região Metropolitana.
Diário de Pernambuco