População denuncia caos e superlotação em Hospital Municipal de Cabedelo - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

População denuncia caos e superlotação em Hospital Municipal de Cabedelo

CAOS NA SAUDE DE CABEDELOMais de três horas de espera numa longa fila que parece não ter fim. Essa é a atual realidade da população de Cabedelo que precisa usar os serviços do Hospital e Maternidade Municipal Padre Afredo, mas esbarra na falta de gestão e, como consequência, sofre com o descaso. A denúncia foi feita pelo deputado Trócolli Júnior (PMDB) e pelos vereadores Eudes Santos de Souza e Fernando Monteiro Sobrinho e está baseada em um vídeo que comprova a total falta de estrutura encontrada na unidade hospitalar.

“É triste de ver uma população sofrer nas mãos de uma gestão que não tem pensado em nenhum momento em seu povo. Nesse vídeo a gente observa pessoas que estão há mais de três horas esperando por um atendimento. Algumas deles esperam em pé, outras sentadas em um banco de cimento. Muitas delas foram até o hospital sem sequer tomar o café da manhã correndo o risco de passar mal e piorar seu estado de saúde. É lamentável ver pelo que Cabedelo e o povo daquela cidade estão passando”, enfatizou Trócolli.

O parlamentar quer providências urgentes no sentido de acabar com a agonia que vêm enfrentando os cabedelenses. “Nós vamos levar esse caso até o Ministério Público, ao Conselho Regional de Medicina, para onde for preciso, mas não vamos admitir que os cabedelenses continuem sofrendo como estão com esse caos que se alastra na saúde pública da cidade. Queremos providências urgentes para acabar com o sofrimento desse povo”, declarou.

Cabedelo é a segunda cidade da Paraíba com maior volume de arrecadação de recursos. São, ao todo, R$ 192 milhões, por ano. Significa que, por mês, o município arrecada R$ 16 milhões, ou seja, mais de meio milhão por dia. Apesar disso, o Hospital e Maternidade Municipal Padre Afredo é o único da cidade e, além da superlotação, a unidade também registra um caos na sua infraestrutura.

Lixo nas ruas

Contudo, o caos na saúde não é o único problema enfrentado em Cabedelo. Moradores da cidade também têm sofrido com o acúmulo de lixo nas ruas. “A realidade do bairro de Vila Feliz (Jacaré), em Cabedelo, é um retrato real do descaso do prefeito atual por essa cidade que tanto amamos. As imagens comprovam o que estamos dizendo. É lixo para todo lado, o que acaba também interferindo na saúde pública, já que acúmulo de lixo significa aparecimento de vários insetos e doenças. Continuarei lutando para conscientizar uma parcela da população, que precisa despertar contra as práticas políticas que tem destruído o direito democrático que possuímos constitucionalmente, que é o nosso voto”, falou o deputado Trócolli Júnior.

 

ClickPB