Prefeitura beneficia mais de 900 pessoas com curso de TI

estação cienciaA Estação Virtual, plataforma de Ensino à Distância (EaD) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), teve 930 inscritos em seus 12 cursos nas áreas de Tecnologia da Informação (TI) e Educação. O projeto é realizado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec) e tem como objetivo principal diminuir a exclusão digital, por meio da capacitação, educação e qualificação profissional.

“Ficamos surpresos com a quantidade de pessoas interessadas nos cursos. As inscrições duraram 15 dias e quase mil pessoas se matricularam e estão agora tendo acesso aos cursos disponibilizados gratuitamente”, afirmou a secretária de Ciência e Tecnologia, Marly Lúcio.

A iniciativa é uma parceria da PMJP com o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), uma empresa pública vinculada ao Ministério da Fazenda, que foi criada com o objetivo de modernizar e dar agilidade a setores estratégicos da Administração Pública. A empresa, cujo negócio é a prestação de serviços em Tecnologia da Informação e Comunicações para o setor público, é considerada uma das maiores organizações públicas de TI no mundo.

A coordenadora da Estação Virtual, Julianne Martins Cavalcanti, explicou que a Educação a Distância (EaD) é uma modalidade de ensino que se caracteriza pela flexibilidade de tempo e espaço de seus participantes, sem perder a qualidade de ensino. “É necessário esse aluno saber que terá que desenvolver algumas habilidades, pois não estará dentro de uma sala de aula com um professor presencialmente para lhe auxiliar. Por esse motivo, a disciplina e organização de seu tempo e de seus estudos é algo muito importante para que obtenha sucesso”, ressaltou.

Os cursos oferecidos possuem carga horária diferenciada, que variam de acordo com sua complexidade. São oferecidos os seguintes cursos: Desvendando a Informática, Sensibilização para o uso do Software Livre, Ubuntu GNU/Linux, Usando o Mozilla Firefox, Introdução à Gerência de Projetos, UML, Introdução à Programação Orientada a Objetos, Fundamentos da Linguagem PHP5, Introdução à Linguagem Java, Ética na Escola, Administração do tempo e Primeiro Emprego.

Estações Digitais – Os cursos são completamente online, durante 24h. As pessoas que não têm acesso à internet em suas residências podem procurar uma das 38 Estações Digitais espalhadas pela cidade e utilizar a estrutura do espaço, com computador e internet, para poder entrar na plataforma e realizar os cursos.

Não são necessárias aulas presenciais. Julianne Martins explica que o próprio sistema avalia os exercícios disponíveis e lança as notas das atividades pré-cadastradas. Existe um suporte técnico para solucionar problemas relativos aos acessos e qualquer outra dificuldade técnica dos alunos.

Certificados – Os cursos estão programados para conclusão no dia 30 de dezembro. Todos os cursos disponibilizarão certificados, mas apenas serão emitidos para aqueles alunos que concluírem com 70% de aproveitamento.

ParlamentoPB