Presidente do PSC/PB dá o tom da disputa em 2020 e revela orientação nacional por candidatura majoritária nas Capitais

As eleições municipais para 2020 virão com relevantes mudanças. A principal delas Será o fim da formação de coligação partidária nas proporcionais. Desta forma, algumas legendas devem ousar mais na disputa. Para o presidente do PSC na Paraíba, a sigla deve fazer parte da disputa pela Prefeitura Municipal de João Pessoa.

De acordo com Gadelha, faz partes do plano para 2020 a possibilidade de lançar candidatura própria na Capital paraibana. A decisão é uma recomendação da executiva nacional do PSC. “A executiva nacional está estimulando o lançamento em toda parte, principalmente, nas capitais, porque nós estamos com um projeto um pouco mais ambicioso a frente, que é o lançamento de um candidato á presidência da República”, revelou Marcondes Gadelha. De acordo com o líder partidário, a sigla teria interesse em candidatar o atuar governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel ao cargo mais elevado da política brasileira.

O posicionamento da sigla nas próximas eleições, para Marcondes, deve servir como base para o processo eleitoral de 2021, desta forma, eleger gestores nas capitais seria uma maneira de contribuir com a candidatura de Witzel. “É preciso que tudo se prepare agora nessa eleição municipal.

Então a idéia de lançar candidato está vinculada a essa decisão da executiva nacional de priorizar e estimular as candidaturas a prefeito principalmente nas capitais, mas também no interior”, pontuou Marcondes.

Gadelha afirmou já ter iniciado debates com lideranças políticas para avaliar o momento do partido e as circunstâncias para o lançamento de candidaturas.

PB Agora