Procon Estadual pede a Anatel suspensão das vendas da OI na Paraíba - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Procon Estadual pede a Anatel suspensão das vendas da OI na Paraíba

119949,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0O Procon da Paraíba irá solicitar ainda nesta sexta-feira (14) à Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) a suspensão na Paraíba das vendas dos produtos da empresa de telefonia Oi. A empresa já recebeu notificação do Procon-PB, nesta manhã, por causa da pane nos serviços na rede fixa e móvel em todo o Estado. A empresa agora tem o prazo de dez dias para apresentar justificativa sobre as falhas apresentadas.

O secretário-executivo do Procon-PB, Marcos Santos, explicou que pediu a suspensão das vendas da Oi na Paraíba por entender que as reclamações do “mal serviço” prestado pela Oi aos usuários são recorrentes.

“Nós vamos solicitar a Anatel a suspensão de venda de produtos da Oi porque é recorrente as reclamações a essa empresa. Não tem mais sentido um empresa desse porte com a capacidade econômica que ela tem. Não se justifica mais você dizer que quebrou um cabo e você não ter uma solução para isso”.

O secretário reclamou da demora da empresa para resolver os problemas dos clientes. “Tem que ter um plano A, B, C, mas tem que ter uma solução imediata”, reivindicou.

Ele informou que após o prazo concedido para apresentação de justificativa pela empresa, o procedimento será encaminhado para a consultoria jurídica do órgão de defesa do consumidor, que analisará o caso. “Mesmo que o problema na rede tenha sido ocasionado por terceiros, a empresa deveria ter meios para garantir a continuidade dos serviços”, ressaltou.

Segundo ele a multa pode chegar a R$ 6 milhões. “esse processo sobe para consultoria jurídica que será feito um parecer que vem para o secretário que aplica uma multa que vai de 400 reais a até seis milhões dependendo da amplitude do problema e dos usuários prejudicados.

Assessoria