Jeová Campos (PSB) preterido nas mudanças de cargos gera polêmica entre socialistas

QUEDA DE BRAÇO: substituição na direção de importante órgão no Sertão gera problema político para socialista

geovar camO deputado Jeová Campos (PSB), que vinha reclamando por ter sido preterido e sequer consultado com relação à nomeação de vários cargos do estado em Cajazeiras, agora enfrenta nova crise política na sua principal base eleitoral

Segundo o Blog do jornalista Adjamilton Pereira, Jeová arranjou mais uma dor de cabeça, ao avalizar a nomeação de Nuarah Yaponirah Mariano Cardoso para a direção do hemonúcleo, em substituição a Lucivânia Pereira Mareco Maciel, que além de estar fazendo um bom trabalho a frente do órgão, ajudou muito na campanha de Jeová Campos e é cunhada do advogado Jocerlan Maciel, parceiro e colega de escritório do deputado.

O problema maior é que a nova diretora do hemonúcleo é cunhada de Andréia Braga, que Jeová Campos já havia nomeado para a gerência regional de educação que, por sua vez, levou a outra cunhada, Vanderlúcia Feitosa, para lhe assessorar em uma importante coordenação da regional da educação.

O deputado socialista também desejava indicar a direção do teatro Íracles Pires, mas perdeu a queda de braço para Rivelino Martins, que indicou Osvaldo Moésia.

O ano de 2015 foi iniciado com inúmeros problemas que precisam ser administrados por Jeová Campos que continua apoiando o governador Ricardo Coutinho na Casa de Epitácio Pessoa.

PB Agora