Raoni expõe ineficiência de Cartaxo na barreira do Cabo Branco e diz que denunciará prefeito por omissão no MPF

“Não podemos perder o ponto mais oriental das Américas por causa de uma má gestão”. A declaração do deputado estadual Raoni Mendes (DEM) aconteceu durante sessão na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) no fim da manhã desta terça-feira (19). Além dessa, não faltaram críticas ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD) e a atual gestão da prefeitura de João Pessoa. Raoni afirmou ainda que vai denunciar o prefeito por omissão junto ao Ministério Público Federal (MPF).

Raoni Mendes exaltou a barreira do Cabo Branco como símbolo mais oriental das Américas e seu poder turístico, refletido na economia e imagem do estado. Destacou que a região tem relevância mundial e deveria ser tratada com máximo empenho e agilidade da gestão municipal. “A administração que se diz competente, transparente, inovadora, mas que só traz retrocesso. Incompetência nós vimos, vemos e veremos da administração do prefeito de João Pessoa. Há dois anos foi apresentado o projeto da barreira e nada”, ao finalizar essa declaração o deputado reproduziu um vídeo com uma entrevista de Cartaxo sobre o assunto.

“Saí do disse me disse, fomos efetivamente buscar uma empresa, fizemos a licitação, ganhou uma empresa que tem conhecimento e capacidade nessa área, e que em seis meses apresenta um resultado para a prefeitura. Nossa equipe de planejamento também teve uma priorização com relação a esse projeto. E em dois anos de governo estamos apresentando algo real, concreto, verdadeiro e factível à cidade de João Pessoa no que se refere a esta barreira”, declarou Luciano Cartaxo durante entrevista há dois anos atrás, segundo Raoni.

Conforme o democrata, o prefeito não poderia “posar de bom administrador nos outros municípios”, já que é um prefeito que apresentou um projeto real – disse de forma irônica – mas efetivamente não resolveu o problema na barreira. “Estamos perdendo o maior patrimônio de referência do turismo paraibano que é a barreira do Cabo Branco por omissão da prefeitura e do atual gestor. Não podemos perder o ponto mais oriental das Américas por causa de uma má gestão”, bradou o deputado.

Na parte final de seu discurso, Raoni disse que vai denunciar Luciano Cartaxo por omissão, onde este novo acionamento na justiça se juntará ao inquérito que o Ministério Público já apura. “O atual prefeito é omisso e incompetente”, disparou.

Blog do Gordinho