João Pessoa 20/03/2019

Início » Esporte » Real Madrid anuncia volta de Zidane menos de um ano após sua saída

Real Madrid anuncia volta de Zidane menos de um ano após sua saída

Diretoria acerta contrato até junho de 2022 com o francês, tricampeão europeu à frente da equipe

Menos de um ano após anunciar sua saída do Real Madrid, o técnico francês Zinédine Zidane retorna para o clube merengue, na vaga que era ocupada por Santiago Solari, demitido na tarde desta segunda-feira (11).

Desta vez, no entanto, o tricampeão da Liga dos Campeões como treinador do clube terá um cenário totalmente diferente daquele de quando deixou a equipe. O time madrileno se encontra em má fase no Espanhol, eliminado da Champions e sem Cristiano Ronaldo, principal estrela sob seu comando no passado.

Para substituir o ídolo francês, o Real Madrid apostou no espanhol Julen Lopetegui, que iria dirigir a seleção da Espanha na Copa do Mundo, mas acabou demitido por fechar contrato com o clube. No entanto, os resultados não vieram, e uma goleada para o Barcelona por 5 a 1, em outubro, decretou sua saída.

Solari, que dirigia a equipe B, assumiu de forma interina. Os resultados melhoraram. O time chegou a ter uma sequência de quatro vitórias -duas pelo Campeonato Espanhol, uma pela Copa do Rei e outra pela Liga dos Campeões-, o que fez com o que a permanência do argentino fosse defendida pelos atletas do elenco. Com isso, a direção madridista efetivou-o, com contrato até 30 de junho de 2021.

Mas 2019 não tem sido um ano muito bom para o maior vencedor da Liga dos Campeões, com 13 títulos. Além de ter sido eliminado nas oitavas de final da competição europeia pelo Ajax (HOL), o clube vem de duas derrotas consecutivas recentes para o Barcelona, no Santiago Bernabéu, em menos uma semana -pela Copa do Rei e pelo Espanhol.

Apesar de ter goleado o Valladolid por 4 a 1 pela liga espanhola no último domingo (10), o time ocupa apenas a terceira posição na tabela, com 51 pontos, 12 a menos que o arquirrival Barcelona, líder e com grandes chances de ficar com o título.

Sob o comando de Solari, o Real Madrid fez 32 jogos. Venceu 22, empatou 2 e perdeu 8. Um aproveitamento de 71% dos pontos em disputa, maior do que o de Lopetegui, seu antecessor, que de 14 jogos venceu 6, empatou 2 e perdeu 6 (48%).

Zidane volta ao clube ostentando números maiores que os de seus dois antecessores. Em 149 jogos como técnico da equipe, o francês obteve 104 vitórias, 29 empates e 16 derrotas. Um aproveitamento de 76%. Além dos três títulos da Liga dos Campeões, o treinador levou o Real Madrid às conquistas do Espanhol (2016-2017) e de dois Mundiais de Clubes (2016 e 2017).

Minuto ao Minuto