denúncia

Record revela que MP prepara denúncia contra Rodolpho Carlos

O Ministério Público deve denunciar nesta segunda-feira, 30, o estudante Rodolpho Carlos, 24 anos, por homicídio doloso. O rapaz conduzia um veículo Porsche na madrugada do sábado, 21, no bairro do Bessa, em João Pessoa e desobedeceu a ordem de parada dada em uma blitz da Operação Lei Seca, atropelando o agente de trânsito Diogo Nascimento, 34 anos, que morreu em consequência dos ferimentos. Homicídio doloso é quando há a intenção de matar. O caso, rumoroso na Paraíba, mereceu o destaque do programa Domingo Espetacular, da Rede Record, que o exibiu como “Reportagem da Semana”.
O programa conseguiu imagens exclusivas que mostram o momento do atropelamento de Diogo Nascimento e também entrevistou o agente que deu a primeira ordem de parada desobecida por Rodolpho. Temendo ser atingido pelo carro, Robério Inaldo saiu da frente. O colega agiu de maneira diferente, fez o “bloqueio humano” e acabou morto.

ParlamentoPB