Ruy se arrepende, chora e se declara para Ritinha: “Eu te amo!”

Ruy se declara para Ritinha. (Foto: TV Globo/Reprodução)

Ruy (Fiuk) vai demonstrar ser realmente apaixonado por Ritinha (Isis Valverde) no capítulo desta quarta-feira, 04, da novela das nove “A Força do Querer”. Ele, que ainda estará escondido na casa de Dantas (Edson Celulari), entrará em contato com a mulher e marcará um encontro.

Pra que tu foste fazer isso, Ruy?“, questionará a “sereia”. “Perdi a cabeça, Ritinha. Perdi a cabeça“, explicará o filho de Eugênio (Dan Stulbach). “Podia fazer isso com Zeca não“, falará Ritinha. “Não aguentei ouvir ele dizer que tu eras dele, que te levava a hora que quisesse“, revelará o irmão de Ivan (Carol Duarte).

Zeca falou assim mesmo, é?“, perguntará a filha de Edinalva (Zezé Polessa), toda empolgada. “Falou!“, afirmará o playboy. “Eu te amo! Te amo! Não aguentei escutar! Não aguentei!“, justificará o filho de Joyce (Maria Fernanda Cândido).

Segundo informações do jornalista Daniel Castro, Cibele (Bruna Liznmeyer) ficará muito revoltada ao perceber que o ex-noivo marcou um encontro com a mulher, que foi a causadora de ele ter atirado em Zeca (Marco Pigossi) e complicado a sua vida.

ERRO EM A FORÇA DO QUERER

O público achou estranha a revelação da gravidez de Ivan (Carol Duarte) no capítulo do sábado (29), da novela “A Força do Querer”. Isso porque causou confusão o fato da trama ter contado com várias passagens de tempo e o grande processo de transição da personagem, que trocou o corpo feminino pelo masculino.

Muita gente apontou erros de continuidade, como se a gravidez estivesse há mais de um ano. No entanto, não foi nada disso que aconteceu. A relação entre Ivana e Cláudio (Gabriel Stauffer) aconteceu duas vezes, uma em junho e outra em julho, e a passagem de tempo foi entre essas duas sequências parecidas.

A cronologia tem fundamento, já que, desde que eles tiveram relações até o anúncio da gravidez, se passaram apenas dois meses, e ela iniciou o processo de transição de gênero, passando a tomar hormônios com poucos dias de gestação. A autora, Gloria Perez, explicou tudo em seu perfil no Twitter.

Segundo ela, a ordem dos dias na trama não correspondem aos dias na vida real, e “uma noite ou um dia podem durar uma semana inteira” em uma novela, fazendo o público achar que houve um intervalo muito grande de tempo, quando não existiu.