Santa Cruz elimina o Betim e conquista acesso para a Série B no centenário

santa cruz recifeForam seis anos de ausência das principais séries do Campeonato Brasileiro, penando nas Terceira e Quarta Divisões. Mas o inferno astral acabou. Na tarde deste domingo, 3 de novembro de 2013, o Santa Cruz venceu o Betim-MG por 2×1 e conquistou o acesso para a Série B da próxima temporada, quando estará comemorando 100 anos de fundação.

O resultado classificou os tricolores para as semifinais da Série C, uma vez que a equipe já havia vencido o Betim por 1×0 no interior de Minas Gerais. Agora, o Santa luta pelo título da competição. O próximo mata-mata será contra a Luverdense-MT, que também garantiu o acesso. Na outra perna, disputam vaga na final Sampaio Corrêa-MA e Vola Nova-GO.

No confronto deste domingo, os corais adotaram postura defensiva no início e deram campo para os adversários. O Betim cirou boas chances sobretudo no início. Quando necessário foi, o goleiro Thiago Cardoso apareceu para garantir o resultado.

Mas, aos 12 minutos do segundo tempo, a tensão diminuiu. O atacante André Dias recebeu a bola livre de marcação dentro da área e mandou para o fundo das redes.

A torcida, que compareceu em massa e lotou o Arruda, fez muita festa antes da partida e soltou o grito depois do 1×0. Naquele momento, o Betim precisava virar o confronto para passar.

Mas o nervosismo voltou por completo aos 19 minutos, quando Max empatou, de cabeça. Depois foram 23 minutos de agonia até o atacante Flávio Caça-Rato, o maior xodó da torcida, marcar o gol da vitória e garantiu de vez o acesso.

SANTA CRUZ 2X1 BETIM

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Oziel, Everton Sena, Renan Fonseca e Tiago Costa; Sandro Manoel, Dedé, Everton Heleno (Luciano Sorriso) e Raul; Siloé (Flávio Caça-Rato) e André Dias (Leandro Souza). Técnico: Vica.

Betim: Felipe Sanches; Adalberto, André Luís (Carlos Júnior), Max e Tiago Santos; Denílson, Jean Cléber, Patrick (Da Silva) e Wescley, Rodrigo e Marion (Tácio). Técnico: Moacir Júnior.

Local: Arruda. Árbitro: Dewson da Silva (Asp.Fifa/PA). Assistentes: Emerson de Carvalho (Fifa/SP) e Carlos Nogueira (SP). Gols: André Dias, aos 12, Max, aos 20, Flávio Caça-Rato, aos 42 minutos do 2º tempo. Renda: R$ 1.392.610. Público: 60 mil. Cartões amarelos: Tiago Cardoso (Santa), Tácio (Betim).

Jornal do Commercio