Secretário diz que investigações nas obras Lagoa só revelam o sentimento de dever cumprido

O secretário municipal da Transparência Pública, Bira Pereira, fez questão de se pronunciar em relação às investigações das obras do Parque Sólon de Lucena, afirmando que sua pasta não se fragiliza, mas que as averiguações demonstram a seriedade que secretaria tem em divulgar todas as ações da prefeitura municipal de João Pessoa. Desde o início do mês a Polícia federal deflagrou a Operação Irerês, para investigar supostas irregularidades da construção do novo Parque da Lagoa.

Para Bira todo o trabalho de investigação é fruto dos dados que são divulgados por sua secretaria, que se sente reconhecido pelo trabalho prestado à sociedade. “A gente não se sente afetado com essa operação de forma alguma, pelo contrário, a gente até fica, de certa forma, com o sentimento de dever cumprido. Porque muitas das matérias que surgiram foram oriundas de pesquisas do próprio portal da transparência da prefeitura”.

O ex-vereador ressalta que preza na divulgação de todas as ações municipais à população. “A partir do momento que a prefeitura efetua pagamentos e empenhos vai sendo registrado no portal da transparência. Então, nós conseguimos por exemplo, em relação a pagamentos, dar a carga nas atualizações três vezes por dia. A secretaria tem trabalhados para ofertar o máximo possível de informações e acima de tudo dialogando com o controle social, porque transparência se faz com controle social”.

Sobre o posicionamento do prefeito municipal, o secretário ratificou suas orientações. “O prefeito Luciano Cartaxo, inclusive, oriente todos os secretários que tivessem o máximo de espírito colaborativo em relação às apurações. Nós temos absoluta certeza que a obra e uma obra histórica e que no final vamos responder a todas as questões”.