Sétimo ‘Guerra nas Estrelas’ estreia em dezembro de 2015

guerra nas estrelasO primeiro episódio da nova trilogia de Guerra nas Estrelas chegará aos cinemas em 18 de dezembro de 2015. O anúncio da data foi feito nesta quinta-feira pelos produtores da franquia de ficção científica, como resposta a notícias que sugeriam que o filme, prometido no ano passado para 2015, seria adiado para o ano seguinte.

‘Star Trek’ x ‘Star Wars’, a batalha nerd pelo espaço

“Estamos muito animados por compartilhar oficialmente a data de 2015 para o lançamento deGuerra nas Estrelas: Episódio VII’(Star Wars: Episode VII, no original)”, afirmou Alan Horn, presidente dos estúdios Walt Disney, que no ano passado comprou a Lucasfilm, empresa do criador da saga, George Lucas. O início das filmagens é previsto para a próxima primavera, nos estúdios Pinewood, nos arredores de Londres, disse a Disney em comunicado, destacando que a fase de pré-produção está “a pleno vapor”. Todos os  filmes anteriores de Guerra nas Estrelas — que tiveram lançamentos antes do verão nos Estados Unidos — incluíram a produção em estúdios britânicos, entre eles Elstree, Shepperton, Leavesden, Ealing e Pinewood.

‘Guerra nas Estrelas’: Carrie Fisher voltará a ser Princesa Leia
Alô, Chewbacca: Han Solo vem aí em ‘Star Wars 7’

O próximo filme será dirigido por J.J. Abrams (Missão: Impossível IIIJornada nas Estrelas) a partir de um roteiro redigido por Abrams e Lawrence Kasdan, cujo currículo inclui O Império Contra-Ataca e O Retorno de Jedi. O veterano compositor de músicas para o cinema John Williams criará a trilha, enquanto Abrams, a presidente do Lucasfilm, Kathleen Kennedy, e Bryan Burk serão os produtores do filme. Lucas, que lançou a saga em 1977 e dirigiu quatro dos seis filmes até agora, trabalhará como consultor criativo em pelo menos três novos filmes, que devem ser lançados a cada dois ou três anos.

O primeiro episódio da saga Guerra nas Estrelas foi lançado em 1977 e a ele se seguiram duas trilogias: três filmes entre 1977 e 1983 e outras três sequências de 1999 a 2005. A marca se expandiu para parques temáticos e um gigantesco segmento de merchandising. Em todo o mundo, os filmes faturaram cerca de 4,4 bilhões de dólares nos últimos 35 anos.

(Com agência France-Presse)