sport

Sport bate o Atlético-PR e alcança terceira vitória seguida no Brasileiro

sport derrota galo paranaenseApós deixar a zona de rebaixamento no último domingo, o Sport deu continuidade à sua boa fase e derrotou o Atlético-PR por 2 a 0 neste sábado, na Ilha do Retiro. Os gols foram marcados por Diego Souza, que chegou à marca de 100 jogos pelo clube pernambucano, e Edmílson.

Com a vitória, o Sport atingiu os 21 pontos e dorme na 12ª colocação do Campeonato Brasileiro. A arrancada na competição foi iniciada na 15ª rodada, com um resultado positivo diante do Grêmio, e confirmada no último fim de semana, contra o Cruzeiro, no Mineirão.

A derrota na Ilha do Retiro impediu o Atlético-PR, que entrou em campo com dez desfalques, de entrar no G-4. A equipe paranaense segue com 27 pontos, na 7ª posição.

Na próxima rodada, o Sport recebe o América-MG na Ilha do Retiro. A partida está agendada para quarta-feira, às 19h30. Às 21h45 do mesmo dia, o Atlético-PR enfrenta o Corinthians na Arena da Baixada.

Quem foi bem: Diego Souza comanda o Sport mais uma vez

Diego Souza não cansa de repetir em suas entrevistas que tem a sensação de estar em casa na Ilha do Retiro. A cada jogo, o jogador parece mais à vontade com a camisa do Sport.

Neste sábado, o experiente atleta ditou mais uma vez o ritmo da equipe de Oswaldo de Oliveira e anotou um gol de pênalti em sua 100ª partida pelo clube pernambucano. Na comemoração, em um novo sinal de sua identificação com a camisa, beijou o escudo e levou a torcida à loucura na Ilha do Retiro.

Quem foi mal: improvisado como volante, Marcão deixa a desejar

O Atlético-PR não teve nenhum volante de origem neste sábado. O zagueiro Marcão atuou improvisado no setor e não conseguiu dar uma boa saída de bola à sua equipe. Além disso, sofreu para segurar as investidas do Sport.

Domínio total do Sport na 1ª etapa

Enquanto o Sport tinha seu time praticamente completo, Paulo Autuori não pôde contar, entre suspensos, machucados e poupados, com dez jogadores. Dos 11 atletas que iniciaram o duelo, só Weverton, Paulo André e Pablo vinham de uma sequência como titulares.

Com o adversário desfigurado e improdutivo na saída de bola, o Sport foi muito superior durante o primeiro tempo. Comandados por Diego Souza e Everton Felipe, os pernambucanos tiveram mais posse de bola e volume de jogo. Se não fosse pela atuação discreta de Edmílson, isolado no ataque e pouco participativo nas tramas ofensivas, os donos da casa poderiam ter ido ao intervalo com um placar mais elástico.

Diego Souza aproveita lance imprudente do Atlético-PR

A inexperiência do lateral esquerdo Nicolas, reserva de Sidcley no Atlético-PR, abriu caminho para que Diego Souza coroasse seu centésimo jogo pelo Sport com um gol.

Aos 16 minutos do primeiro tempo, o atacante Rogério recebeu passe de Diego Souza, dominou dentro da área e caiu após receber uma pancada do jovem do clube paranaense na perna. Pênalti para o Sport.

Na cobrança, Diego Souza bateu com muita categoria no ângulo de Weverton e partiu para a comemoração com a torcida local.

Uol