Sport vence o Boa, conta com tropeço de rivais e confirma retorno à Série A

sport do recifeO Sport confirmou neste sábado o retorno à Séria A do Brasileiro com uma rodada de antecedência. Além de fazer a sua parte e vencer o Boa Esporte, por 3 a 2, em Varginha, o time pernambucano contou com o tropeço dos principais concorrentes para se garantir na primeira divisão em 2014.

O Sport se manteve em terceiro lugar com 62 pontos e não pode mais ser alcançado pelos concorrentes mesmo que seja derrotado pelo Paysandu na última rodada, na Ilha do Retiro, no Recife. Isso porque Icasa e Ceará perderam seus jogos neste sábado para Chapecoense e Palmeiras, respectivamente.

Mesmo que Figueirense (quarto colocado), Icasa (quinto) e Ceará (sexto) cheguem aos mesmos 62 pontos do Sport na última rodada, a equipe pernambucana supera os rivais no número de vitórias, primeiro critério de desempate.

Sem qualquer objetivo na competição, o Boa Esporte entrou em campo sem o técnico Nedo Xavier, que deixou o clube durante semana para assumiu o São Caetano, e vários jogadores. Entre eles, Marcelinho Paraíba, que acertou a rescisão de contrato. O time mineiro permanece na 11ª posição com 50 pontos. Na última rodada, enfrenta o Avaí em Florianópolis.

A vitória pernambucana foi construída ainda no primeiro tempo. O Sport iniciou a partida determinado e abriu o placar aos 17min. Marcos Aurélio recebeu bela assistência de Lucas Lima, passar por Neylor e bate cruzado para marcar.

O Sport ampliou aos 21min com Neto Baiano, que escorou de cabeça cruzamento de Marcelo Cordeiro da esquerda. O time pernambucano voltou a marcar aos 41min, novamente com Marcos Aurélio, que fez de cabeça depois de novo cruzamento de Marcelo Cordeiro.

No segundo tempo, que começou debaixo de muita chuva, o Sport caiu de rendimento e passou a ser incomodado pelo Boa Esporte, que diminuiu logo aos 3min com Éder Lima. Luiz Paulo fez o segundo aos 19min e colocou pressão sobre os pernambucanos.

A vitória do Sport se tornou dramática no final da partida em Varginha. O Boa Esporte exerceu forte pressão e por pouco não empatou a partida. O time pernambucano conseguiu segurar o resultado e garantir o retorno à elite do futebol brasileiro.

Uol Esportes