STJ nega liberdade a Roberto Santiago por possibilidade de influência no depoimento de testemunhas

STJ nega liberdade a Roberto Santiago por possibilidade de influência no depoimento de testemunhas

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou do pedido de Habeas Corpus impetrado pela defesa do empresário Roberto Santiago, preso no âmbito da Operação Xeque-Mate desde março deste ano.

Segundo a decisão, noticiada pelo PBAgora, a liberdade de Santiago “acarretaria risco à ordem pública” pois “há risco concreto de que o paciente possa influenciar o depoimento de testemunhas para que prestem depoimentos favoráveis a ele em juízo”.

O documento ressalta ainda que o empresário possui outras ações penais em andamento e que o pedido de prisão domiciliar não chegou sequer a ser analisado já que o Habeas Corpus não foi conhecido.

Confira:

ParaibaJá