Taxistas realizam protesto e prometem acionar Ministério Público contra PMJP e Semob

Taxistas realizam protesto e prometem acionar Ministério Público contra PMJP e Semob

protesto taxistasCentenas de taxistas ocuparam as ruas de João Pessoa, na manhã desta quinta-feira (07), em protesto contra a inércia da prefeitura municipal de João Pessoa e da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) na fiscalização do transporte clandestino na Capital.

Segundo eles, taxistas de outros municípios estão invadindo a Capital e a gestão municipal não faz nada para impedir.

“A categoria dos taxistas está sendo muito prejudicada com relação à falta de fiscalização em João Pessoa. Simplesmente os táxis de municípios vizinhos invadiram a Capital e estão trabalhando aqui livremente, em hotéis, clinicas, hospitais e infelizmente a gente não vê a fiscalização da Semob como deveria ser”, disse um dos taxistas que preferiu não se identificar.

Com nariz de palhaço e até carro de som, os motoristas seguem em fila pelas principais avenidas da cidade com destino a sede do Ministério Público. Lá eles vão provocar o órgão para acionar a prefeitura de João Pessoa no sentido de fazer com que o trabalho de fiscalização seja cumprido e continuado. “Vamos procurar a ajuda do MP, porque infelizmente a Semob e a prefeitura não tomaram as providencias que nos prometeram, e essa não é a primeira vez, por isso estamos depositando todas as nossas fichas na justiça”, arrematou.

O taxista relatou ainda a existência de esquema de propinas entre recepcionistas de hotéis e motoristas de táxis de cidades vizinhas para condução de hóspedes mediante pagamento de propina. “Vamos aproveitar o MP para tentar resolver esse problema, visto que recepcionistas fazem parcerias, e só chamam os táxis para atender os hóspedes se os taxistas se dispuserem a pagar a propina. É erro por cima de erro, problema por cima de problema. Vamos nos juntar mais uma vez para ver se acabamos com essa corrupção também”, ressaltou.

Os taxistas iniciaram a concentração no estacionamento do Clube Cabo Branco, no bairro de Miramar, passaram pela Avenida Epitácio Pessoa, sentido orla da Capital. De lá eles seguiram pela Avenida Ruy Carneiro sentido Centro da Capital, de onde devem seguir para sede do Ministério Público, na Praça dos Três Poderes.

O comboio segue organizado, ocupando uma única faixa da via, para não atrapalhar o trafego dos outros veículos.

A Semob, até agora, não se pronunciou sobre o protesto ou sobre as reivindicações dos taxistas.

PB Agora