Terreno impede implantação campus do IFPB e Manoel Jr recorre ao MCTI para tentar solucionar o problema em Pedras de Fogo

Red2Preocupado com a demora da Prefeitura Municipal de Pedras de Fogo em resolver os trâmites legais, no que se refere à doação ou cessão do prédio do Centro de Vocação Tecnológica (CVT) ao Ministério da Educação [fator condicionante para a instalação do campus do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) em Pedras de Fogo], o deputado Manoel Junior (PMDB) se reuniu em Brasília, com Sônia da Costa, diretora do Departamento de Ações Regionais para a Inclusão Social do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCTI).

 

Os Centros de Vocação Tecnológicos são vinculados ao Ministério da Ciência e Tecnologia. A unidade de Pedras de Fogo, foi construída com recursos de emendas individuais do deputado Manoel Junior. Ao todo, o parlamentar destinou R$ 1,4 milhão para a obra.

 

Durante a reunião, a diretora informou a Manoel Junior, que tão logo, a Prefeitura finalize a primeira etapa do convênio – que se refere à obra – o Ministério da Ciência e Tecnologia, autoriza à doação ou cessão do prédio/terreno do CVT ao Ministério da Educação.

 

“Nossos técnicos já foram a Pedras de Fogo e verificaram que a obra não está concluída. Já comunicamos ao prefeito, que se eles não conseguirem finalizar a obra, não poderemos autorizar a doação ou cessão do CVT ao MEC”, explicou Sônia da Costa.

 

O peemedebista voltou a lamentar a incompetência da equipe técnica do prefeito Derivaldo Romão, que não conseguiu em onze meses, resolver os trâmites legais necessários para a doação ou cessão e mais uma vez, colocou a sua equipe à disposição da gestão municipal, para ajudar a solucionar os problemas de ordem legal.

 

“Está claro que os técnicos da Prefeitura não conseguiram resolver as pendências do convênio”, lamentou Manoel Junior. “Volto a colocar a minha equipe à disposição da gestão municipal”, continuou. “Divergências políticas à parte, o importante agora, é Pedras de Fogo não perder o campus do IFPB”.

 

IFPB

 

Quando instalado, o campus do IFPB de Pedras de Fogo contará com os cursos técnicos de Edificações, Manutenção Automotiva, Açúcar e Álcool, Transações Imobiliárias e Logísticas e dois cursos superiores: Construção de Edifícios e Gestão da Produção Industrial.

 

Por Camila Galgane com Lamartine do Vale