Teto cai em supermercado em Riga, na Letônia, e deixa pelo menos 33 mortos

teto caiPelo menos 33 pessoas morreram e 35 ficaram feridas hoje na Letônia em um desmoronamento do teto de um supermercado na periferia da capital Riga. O telhado de 500 metros caiu na noite desta quinta-feira (21), por conta de uma explosão de causas ainda desconhecidas. O resgate deverá continuar durante todo o dia, segundo as autoridades, que convocaram uma reunião de emergência.

As equipes de resgate ainda estão trabalhando no local em busca de vítimas sob os escombros. As imagens das redes de TV locais mostram as ruínas do supermercado Maxima, cercado de ambulâncias e caminhões de bombeiros.

O teto caiu de repente no fim da tarde, em um horário de grande movimento no local. É provável que entre as vítimas estejam várias crianças, que frequentam a escola que fica ao lado do centro comercial.

O trabalho das equipes é minucioso : os guindastes retiram os blocos de cimento com precaução e interrompem a operação em intervalos regulares, na tentativa de ouvir vozes dos sobreviventes ou celulares. Entre as vítimas estão três bombeiros, que morreram durante o resgate.

Diversas pessoas foram hospitalizadas em estado grave. O supermercado, situado na periferia de Riga, estava cheio no momento do acidente.

“Ignoramos por enquanto as causas desta tragédia”, disse a porta-voz dos bombeiros, Viktorija Sembele. “Continuamos a trabalhar no máximo da nossa capacidade, mas a situação continua extremamente perigosa.” O resgate deverá continuar durante todo o dia.

A polícia abriu uma investigação para tentar determinar as causas da tragédia, anunciou o premiê Valdis Dombrovskis, que convocou uma reunião de crise nesta sexta-feira pela manhã.

O centro comercial é o segundo maior do país, foi construído em 2011 e até mesmo ganhou um prêmio de arquitetura. Segundo um responsável, o teto estava sendo reformado para ser transformado em um jardim suspenso.

O grupo Maxima divulgou um comunicado em seu site explicando que a empresa estava “chocada” com a catástrofe, e que se colocava à disposição das autoridades para maiores informações.
RFI