Tião Gomes: "Em nenhum momento o PSL disse que ia votar em Cássio" - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Tião Gomes: “Em nenhum momento o PSL disse que ia votar em Cássio”

tião gomes umO deputado estadual e presidente do PSL, Tião Gomes, disse que o ex-senador Ney Suassuna está caindo no jogo político do PSDB que seria “colocar uma pessoa contra a outra”.

Segundo Tião, Ney teria recebido o convite de Cássio Cunha Lima para compor a chapa majoritária ao Senado, mas que até agora o tucano não se pronunciou sobre isso.

Gomes disse que queria apenas que Cássio tornasse público o convite e o partido julgaria com tranquilidade e não negaria legenda.

– Em nenhum momento o PSL disse que ia votar em Cássio. Temos compromisso com o governador Ricardo Coutinho e com a reeleição dele e estamos firmes nessa luta. Agora se Cássio convidou Ney para ser senador que esse convite seja externado, porque é um jogo do PSDB e Ney está entrando nessa jogada – defendeu o parlamentar.

Ele concluiu afirmando que o partido não está dividido entre Cássio e Ricardo e que deve continuar com o governador.

As informações repercutiram na Rádio Campina FM.