João Pessoa 22/04/2019

Início » Câmara em foco » Transparência da prefeitura e Câmara de Santa Rita esquenta debate e vereadores batem boca e baixam o nível

Transparência da prefeitura e Câmara de Santa Rita esquenta debate e vereadores batem boca e baixam o nível

A primeira sessão ordinária da Câmara de Santa Rita-PB, transmetida ao vivo via internet para o Brasil e o mundo causou muita angustia para alguns parlamentares e esquentou o debate no plenário da Casa de Antônio Teixeira no segundo grande expediente entre vereadores de oposição e situação debaixo da cobrança do tema de transparência e gastos públicos da prefeitura e Cãmara de Santa Rita quando a vereadora Vanda de Vasconcelos utilizou a tribuna e gerou bate boca e baixaria entre o líder de governo Panta, Anésio Miranda e o vereador Flávio Pereira

Vereador Anésio Miranda no uso da tribuna rebateu a vereadora Vanda e disse: “coisas boas e ruins são postadas no Diário da prefeitura de Santa Rita e, que as cobranças de vereadores de oposição deveriam fazer o mesmo da Câmara de Santa Rita que se quer inexiste transparência e publicidade e ninguém sabe, com isso, Anésio foi aparteado por vários vereadores o debate se estendeu a dentro na discussão entre ambos, como também aparteado pelo vereador Flávio Pereira e indagou a Anésio?

Flávio Pereira 

“Flávio Pereira vereador Anésio eu vejo o sr. cobrando transparência nesta casa e diário oficial, lhe farei uma pergunta? quando o senhor foi presidente existia essa transparência que o senhor cobra hoje! era divulgado no diário da casa, eu fui vereador com vossa excelência e não lembro e se existia me lembre aonde era feita toda essa transparência obrigado, Anésio partiu para o ataque”.

Anésio Miranda 

“Irei responder vereador Flávio, minha transparência foi comprovada, fui denunciado e respondi ao Ministério Público e fui absolvido e o único vereador de minha época que foi preso por corrupção foi vossa excelência e o debate esquentou e o vereador Flávio fui a réplica e disse”.

Flávio Pereira repeliu

“Vereador foi preso más nada foi ainda provado contra minha pessoa, e disse, cuidado o senhor vereador Anésio que quem fala pode pagar, cuidado que pode acontecer com o senhor, a não se me acusar tem que provar, Flávio admitiu que foi preso e estou aqui contando história, Flávio repetiu e disse que Anésio não era transparente e saiu do aparte e sentou em seu acento e ficou falando em voz alta vereador Anésio vendeu água Mineral falsificada e empresa de vigilante e possui 12 processos e o bate boca seguiu com o vereador Carlos Pereira também na tribuna e presidente Josa de Moacir ameaçou a encerrar a sessão”.

A discussão entre os vereadores Flávio Pereira (PSD) e Anésio Miranda (PSB) continuou com alfinetadas entre ambos referentes á aguá mineral falsificada e o vereador Anésio Miranda fazendo relato da prisão por corrupção e o vereador e 1º vice presidente Josa de Moacir que estava conduzindo a sessão devido a ausência do presidente Gustavo, encerrou a sessão que foi transmitida via Internet para todo o Brasil.

O cidadão que deseja pedi a gravação em áudio e vídeo se encontra-se nos anais da Câmara de Santa Rita, é só solicitar por meio de ofício.

Lamartine do Vale