Três são assassinados em JP; entre os crimes, dois foram em frente a uma igreja - :: Paraiba Urgente :: Portal de Notícias

Três são assassinados em JP; entre os crimes, dois foram em frente a uma igreja

vigilante e poicialTrês pessoas foram mortas a tiros na noite dessa segunda-feira (7), em diferentes pontos de João Pessoa. O guarda municipal Vandeilson dos Santos Oliveira, 28, e o vigilante Valdeilton dos Santos Oliveira, 26 anos, foram assassinados em frente de uma igreja católica no bairro do Rangel, em João Pessoa. Os jovens eram irmãos.Segundo informações de Luiz Cotrim, delegado de Homicídios da Capital, as vítimas estavam em uma motocicleta em frente da igreja católica São Francisco, localizada na Avenida Sousa Rangel, quando foram abordadas por um homem, que estava em uma moto.

O acusado efetuou vários disparos de pistola nos jovens. Vandeilson dos Santos morreu na hora. Valdeilton dos Santos ainda chegou a ser socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, mas veio a óbito.

Uma terceira pessoa teria ficado ferida e levada para o Hospital Ortotrauma de Mangabeira, mas sem gravidade. Os irmãos mortos tiveram um irmão assassinado há cerca de cinco meses, no bairro de Cruz das Armas, na Capital.

A Polícia Civil informou que os jovens não possuíam ficha criminal. Testemunhas informaram que o alvo dos tiros era Valdeilton dos Santos por ter sido jurado em virtude de brigas. Os corpos foram encaminhados para a Gerência de Medicina e Odontologia Legal (Gemol) da Capital.

Outra morte

Rodrigo Sousa Alves de Carvalho, 25 anos, foi baleado no mercado público do bairro dos Estados. Segundo a polícia, cinco armados o obrigaram a entrar no local para assassiná-lo. Após os tiros, os homicidas fugiram e a polícia foi acionada pelas pessoas que escutaram os disparos. O assaltante ainda não foi identificado.

Portal Correio