TV flagra Cavani levando “dedada” de chileno antes de ser expulso

deda leva ururguaio a ser expulsoA expulsão do atacante uruguaio Edinson Cavani foi o assunto mais comentado após a vitória chilena por 1 a 0 sobre os jogadores da Celeste Olímpica, na quarta-feira, pelas quartas de final da Copa América. O astro do time uruguaio foi expulso pelo árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci após acertar um leve tapa no rosto do defensor Gonzalo Jara no segundo tempo.
No entanto, a agressão, que a principio parecia gratuita, teve uma motivação para lá de constrangedora. Como as redes sociais não deixam passar nada, contudo, logo depois flagraram o gesto que tirou o atacante celeste do sério. Jara aproveitou que o jogo estava parado para apalpar o bumbum de Cavani. A mão boba do chileno irritou profundamente o uruguaio, que reagiu com um leve tapa no queixo do adversário.
Sandro Meira Ricci só viu a agressão do atacante e deu o segundo cartão amarelo para ele – Cavani já havia sido advertido por discutir com o árbitro auxiliar.
Cavani ficou irritadíssimo com o cartão vermelho e exibiu todo o seu arsenal de palavrões ao juiz antes de deixar o gramado.
Cavani já entrou em campo para enfrentar o Chile envolvido em polêmica. Um dia antes, seu pai dele havia atropelado e provocado a morte de um motociclista no Uruguai.
Gazeta Online