“Um por todos e todos por um” ressalta Tião Gomes ao falar sobre posicionamento do G11

“Um por todos e todos por um” ressalta Tião Gomes ao falar sobre posicionamento do G11

O G10, grupo de deputados que apoiam a gestão do governador João Azevêdo (PSB), mas não fazem parte do bloco principal de situação, virou G11 com a chegada do deputado Doda de Tião (PTB) , nesta quarta-feira (07).

De acordo com o deputado Tião Gomes (Avante), durante entrevista ao programa Correio Debate, a chegada de Doda reforça a posição governista do grupo. Ele afirmou ainda que o bloco não quer se colocar contra o governo e nem acredita que a gestão de João Azevêdo veja por este ponto.

“Não eu não vejo isso. O que a gente assiste é que nós temos os nossos pontos de vista que podem até divergir do governo com relação a medida impositiva por exemplo, mas nós só queremos ajudar o governo, não queremos atrapalhar” declarou.

Tião ainda rebateu as informações de que o grupo não teria ido ao café da manhã realizado pelo governo na manhã dessa terça-feira (06), por conta da não aceitação da nomeação de Edvaldo Rosas.

“Não houve nenhuma reivindicação contra, ninguém falou coisa nenhuma. O que plantaram de notícias foi alguma coisa fora do comum. Em nenhum momento você vê ninguém do G11 falar em nada sobre secretaria, porque? Porque isso é uma questão de governo, quem nomeia e quem demite é o governo e nós não temos nada a ver com isso” revelou.

O deputado ainda fez questão de esclarecer o real posicionamento do grupo em relação ao governo e a independência de cada parlamentar que faz parte dele.

“Nós estamos abertos a conversar e discutir, mas para se ingressar tem que ter os votos totais dos 11. Nós somos um grupo que temos independência, temos pontos definidos em discussão, temos que defender a nossa linha de raciocínio e de trabalho, então aqueles que comungam, olhe Doda veio, por que? Porque Doda viu e assistiu os nossos posicionamentos e viu que nós estávamos no caminho certo, um por todos e todos por um” concluiu.