Vereador de oposição opina sobre prisão de colega de parlamento

Vereador de oposição opina sobre prisão de colega de parlamento

O vereador Galego do Leite comentou a prisão do vereador Renan Maracajá, suspeito de envolvimento em fraude de licitação para a merenda na Secretaria de Educação de Campina Grande, efetuada pela Polícia Federal, na segunda fase da Operação Famintos que investiga o suposto esquema.

Galego disse que sua opinião continuava a mesma com relação ao caso, de que Renan deveria ter pedido licença da Casa para ter espaço para sua defesa

– Acho que o vereador deveria ter se afastado para poder preparar sua defesa, junto à sua assessoria jurídica. Vamos aguardar porque é uma Operação do Ministério Público Federal, Controladoria Geral da União e Polícia Federal, então não é algo inventado por alguém da oposição, é algo muito grave na nossa cidade. Todo cidadão, que exerça mandato ou não, tem o direito de apresentar sua defesa, e eu acredito que no momento oportuno poderemos fazer um comentário mais aprofundado do caso, pois as acusações são graves e eu acredito nesses órgãos fiscalizadores, até porque eles têm detalhamento daquilo que está vindo à tona – disse.

ParaibaOnline