Vereadores de Bayeux querem saída de Luiz Antônio e esperam ‘chuva de pedidos de afastamento’

O vereador Adriano Martins (PMDB) vai pedir o afastamento do prefeito interino de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), após divulgação de vídeo onde o tucano pede propina de R$ 100 mil a um empresário. Para Adriano, a cidade está à mercê de interesses particulares e não republicanos de um mesmo grupo político.

Porém, oficialmente nenhum pedido de afastamento chegou à Câmara Municipal de Bayeux, conforme o vereador Jefferson Kita (PSB). O socialista, inclusive, crê que diversos pedidos devem chegar na Casa a partir de hoje, e reforça que também podem ser solicitados por cidadãos.

“Oficialmente ninguém ainda, porque o vídeo chegou a vazar nessa manhã, mas provavelmente vai desembarcar várias denúncias aqui. A Câmara então vai instaurar uma comissão, e depois disso, vai se debruçar e abrir o processo”, afirmou o vereador socialista.

Kita projeta que nos próximos dias deve haver uma “chuva de pedidos de afastamento” contra Luiz Antônio. “Vai chegar naturalmente processos pedindo afastamento dele, e a Câmara vai abrir processo normal, com direito a ampla defesa, assim como o de Berg Lima. A Câmara julga a improbidade administrativa e quebra de decoro, e não a parte criminal. No caso dele, julgaremos a quebra de decoro”, explicou.

A reportagem tentou contato com o prefeito interino de Bayeux, mas as ligações não foram atendidas.

Blog do Gordinho