João Pessoa 27/05/2019

Início » Variedades » Vinícius Júnior perde chances, Suárez decide e Barcelona vai à final

Vinícius Júnior perde chances, Suárez decide e Barcelona vai à final

Apagado no primeiro tempo, Suárez brilhou na etapa final no Santiago Bernabéu

O Barcelona foi efetivo, contou com um inspirado Luis Suárez e venceu o clássico desta quarta (27) contra o Real Madrid por 3 a 0. Com dois gols do uruguaio e outro contra de Varane, os catalães calaram o Santiago Bernabéu e se classificaram para a final da Copa do Rei. O duelo de ida da semifinal terminou 1 a 1.

Os merengues foram muito superiores no primeiro tempo, mas viram Vinicius Júnior perder gols importantes. Na etapa final, o Barça foi eficiente, não desperdiçou as chances que criou e saiu com a vitória elástica.

Classificado à final, o time de Ernesto Valverde enfrentará na decisão o vencedor do confronto entre Betis e Valencia, que empataram por 2 a 2 na ida. O jogo de volta será realizado nesta quinta.

Atual campeão da Copa do Rei, o Barça é o maior vencedor da competição com 30 títulos. Real Madrid e Barcelona voltam a se enfrentar já no próximo fim de semana. No sábado (2), os rivais jogam pelo Campeonato Espanhol novamente no Santiago Bernabéu.

QUAM FOI BEM: SUÁREZ

Apagado no primeiro tempo, Suárez brilhou na etapa final no Santiago Bernabéu. Marcou o primeiro gol do Barça, participou do segundo e ainda fez o terceiro em cobrança de pênalti com cavadinha. Além do uruguaio, Dembélé também teve boa participação com duas assistências, enquanto Ter Stegen foi decisivo com importantes defesas.

QUEM FOI MAL: CARVAJAL

Carvajal falhou no lance no primeiro gol do Barça. O lateral subiu para encostar em Dembélé, mas levou um passe nas costas e não alcançou o francês na corrida. O camisa 11 cruzou rasteiro, e Suárez bateu de chapa com categoria. Depois disso, o espanhol ainda perdeu de Suárez na corrida no segundo gol.

VINÍCIUS JR.

Vinicius Júnior foi o grande destaque do Real no primeiro tempo. Ele participou de todas as grandes chances dos merengues e até pediu um pênalti, mas perdeu três gols. Chutou duas vezes para fora e uma em cima de Ter Stegen. No segundo tempo, também foi quem mais tentou pelo Real, mas viu o Barça marcar três vezes. Depois, o brasileiro foi substituído por Asensio.

ARTHUR VOLTA, MAS FICA NO BANCO

Desfalque do Barcelona nas últimas semanas por lesão muscular na coxa esquerda, Arthur voltou a ser relacionado, mas ficou no banco de reservas.

PRESSÃO DO REAL NO PRIMEIRO TEMPO

O primeiro tempo foi praticamente do Real Madrid. Messi e Suárez pouco apareceram no ataque do Barça, enquanto os donos da casa criaram quatro boas chances, todas com participação de Vinicius Júnior. Aos 18, o brasileiro recebeu de Benzema e chutou para fora na primeira finalização do jogo.

PÊNALTI?

O VAR entrou em ação aos 13 minutos de jogo. Vinicius Júnior caiu na área e pediu pênalti de Semedo, mas o juiz José Sánchez mandou o jogo seguir. O árbitro de vídeo (VAR) analisou a jogada e confirmou a marcação de campo.

BARÇA CHEGA A MARCAR

O Real continuou melhor no início do segundo tempo, mas quem marcou foi o Barcelona. Aos cinco minutos, Dembélé apareceu nas costas de Carvajal e cruzou rasteiro na medida para Suárez chapar e abrir o placar no Santiago Bernabéu.

BARÇA AMPLIA

Atrás no placar, o Real ainda seguiu com mais chances no ataque, de novo com Vinicius Júnior. Ele fez boa jogada e cruzou para Reguilón cabecear, mas Ter Stegen se esticou e salvou. Pouco depois, o brasileiro fez bela jogada individual, deixou Piqué no chão e bateu com desvio. A falta de gols custou caro, e o Barça marcou de novo. Aos 23, Dembélé cruzou rasteiro da direita, e Varane fez contra antes da chegada de Suárez..

SUÁREZ FECHA A CONTA

Nem deu tempo do Real reagir, e o Barcelona tratou de fazer o terceiro. Aos 26, Casemiro fez pênalti em Suárez. O uruguaio foi para a bola e fez de cavadinha. Fim de papo no Santiago Bernabéu.

REAL MADRID

Keylor Navas; Carvajal, Varane, Sergio Ramos e Reguilón; Modric, Casemiro (Valverde) e Kroos; Lucas Vázquez (Bale), Benzema e Vinicius Júnior (Asensio). T.: Santiago Solari.

BARCELONA

Ter Stegen; Semedo, Piqué, Lenglet e Alba; Sergi Roberto, Busquets, rakitic e Dembelé (Coutinho); Messi e Suárez (Vidal). T.: Ernesto Valverde.

Estádio: Santiago Bernabéu, em Madri (Espanha)

Árbitro: José Sánchez (ESP)

Auxiliares: Raúl Cabañero e José Gallego (ambos da ESP)

Gols: Suárez, aos 5min e aos 27min do 2º tempo; Varane (contra), aos 26min do 2º tempo

Folhapress

Minuto ao Minuto