João Pessoa 23/03/2019

Início » Política » Vítor Hugo desmente fake news da oposição e garante que candidatura está mantida

Vítor Hugo desmente fake news da oposição e garante que candidatura está mantida

O prefeito definiu o episódio como “desespero da oposição”. (Foto: Reprodução)

O atual gestor e candidato a prefeito do município de Cabedelo, que disputa o pleito suplementar no próximo domingo (17), Vítor Hugo (PRB), desmentiu mais uma ‘fake news’ divulgada por seu grupo opositor de que teria seu registro de candidatura negado pelo TRE-PB e que estaria fora da disputa eleitoral.

Em um vídeo compartilhado nas redes sociais na noite desta quinta-feira (14), Vítor explicou que a decisão prolatada pela corte eleitoral paraibana se refere única exclusivamente a uma questão que envolve o registro de candidatura de Aguinaldo Silva,  vice de sua chapa.

O prefeito definiu o episódio como “desespero da oposição”.

Vítor garante que sua candidatura está mantida e que vai para a eleição no próximo domingo.

O coordenador jurídico da campanha do atual prefeito, Rouger Guerra, emitiu nota onde afirma que não vai recorrer porque já esperava pela decisão e que a mesma não influencia em absolutamente nada na legitimidade de  sua candidatura.

Ele garantiu que Vítor Hugo disputa normalmente a eleição deste domingo.

“Não vamos recorrer porque o TRE apenas decidiu que houve um erro cometido no processo na primeira instância, relativo à marcha processual, vez que a parte contrária não fora intimada para falar sobre um documento juntado na contestação. Assim, sem entrar no mérito de quem está certo e quem está errado, o TRE simplesmente mandou de volta para a primeira instância para abrir prazo para a parte falar sobre o documento e ele finalmente poder emitir a decisão de mérito sobre a candidatura. Era uma decisão esperada por causa do parecer ministerial que era neste sentido e não causa preocupação na candidatura de Vítor Hugo. Estamos absolutamente tranquilos e participaremos da eleição e será um dia lindíssimo sem qualquer risco ao resultado final do pleito. Vítor concorrerá e será eleito no próximo domingo”, declara o advogado.

ClickPB